Terça-feira, 13 de Outubro de 2009

DOCES E SALGADAS...AS PIPOCAS...CLARO!!!

Estava eu.....a comer pipocas doces, quando de

repente o salgado misturou-se....e...

 

 

Pôrra, a miúda olha para mim e grita:

-Mano..oh..Mano,  olha a mãe já está a chorar....

Rápidamente esfrego a cara e faço aquele sorriso idiota antes que o facto seja motivo de alarme para aqueles dois...tarde demais!!. Um de cada lado iniciam o ritual das perguntas...e aproveitam para "consolar" a mãezinha. Aos empurrões e quase passando a ferro a pequena figura, ambos se esforçam para ganhar uns miminhos extra.

-Ó mãe o que foi??..Porque choras sempre...que vês um filme...não sabes que é tudo mentira. Diz ela.

-Pois é ..Mãe, isso é tudo treta, não podes acreditar nisso...é só um filme. Enquanto isso já ele se apoderou da minha mão, esfregando-a tanto que quase nem a sinto.

- Eu sei filho. Quem disse que estava a chorar foi a tua irmã,  sei bem que é um filme, entrou-me qualquer coisa no olho e logo calhou ela entrar nesse momento...e pensou que ....sabes como ela é!!...

  -Isso dizes tu sempre,  mas nós sabemos que é dos filmes, vais ficar proibida de ver filmes para chorar. Olha ao menos se visses aqueles que eu vejo, já não choravas.

-Deus me livre, aqueles horrorosos, de terror...eu acho que nem dormia..

-Ah..pois, diz ela....o Mano só gosta desses. Nessa altura já tenho a escova metida no cabelo e já sou uma boneca nas mãos dela que me alisa o cabelo.

-Então, pelo menos tem alguma acção e como sei que é tudo encenado...táss..bem!!..Agora filmes de amor, isso é para betinhas...lol....que cenas bué maradas!!..Só mesmo tu para chorares com isso mãe!!..

Entretanto das mãos passou para os braços e as massagens continuam, ora são apertos, ora são dentadinhas...ora são disfarçadas festinhas....

Já ela por seu lado, começou com os rolos, seguiram-se as molinhas e para finalizar os brilhantes....ò mãe hoje queres de que cor??

-Deixa a mãe, diz ele, és mesmo chata. Vá mãe vai lá fazer um lanchinho, pode ser um cházinho com bolachinhas como tu gostas.

-Esperaaaaaa... estou quase a acabar. Assim vais estragar tudo!!..ó mãeeeeee...estás tão linda, nem parece que estiveste a chorar.

 

Bolas!!...mas eu já disse que não estava a chorar, será que podem ir montar o cabeleireiro e as massagens para outra freguesia....(tive que berrar)...

 

-ahahhahahah.....ehhehehheheh....(chovem gargalhadas)...os dois cúmplices um com o outro lá vão embora mais satisfeitos, pois já ouviram o grito da ordem....é bom sinal!!

 

....e lá fico eu a pensar.....estaria a chorar porquê??...Seria do filme??...Talvez..., fico sempre emocionada com filmes de amor...., que outros motivos teria ??.. afinal, tenho o maior tesouro do mundo - os meus filhos!!......

...que bela marmota me saíste!!....

 

Beijokas

Iz@

 

 

 

 

 

 

 

 

sinto-me: indecisa com o novo penteado..
germinado por libel às 21:22
link do post | Semeia | favorito
|
23 comentários:
De Escritos e Rabiscos a 14 de Outubro de 2009 às 16:19
Só tenho isto a dizer:
F I L H O S, a melhor coisa do mundo, o maior tesouro existente à face da terra.

Beijocas

P.S.: São doces e lindos como a mãe.
De libel a 14 de Outubro de 2009 às 22:40
Obrigado Cris, são umas pestes disfarçadas de doces, mas onde eu me lambuzo a toda a hora, não me canso de dizer, são a minha vida, sem eles nada fazia sentido, vivo em função deles, e também sei o que isso implica, mas ...estes momentos são....tudo o que tenho e nada mais preciso.

Beijokas amiga ...és uma flor ...
De Escritos e Rabiscos a 15 de Outubro de 2009 às 11:48
Ora aqui vai a resposta de uma flor para um jardim inteiro: é verdade, os filhos são o melhor que temos, só através deles é que muita coisa acaba por fazer sentido. Tanta coisa que prescindimos, que mudamos e prol do seu bem-estar, mas isso é o correcto, porque eles são um mundo, o nosso mundo. E não há nada mais bonito, mais alegre que o sorriso deles, nada nos conforta mais que o seu abraço, o seu beijo. E à noite, quando estamos down, nada nos reconforta mais do que vê-los dormir e saber que é por eles e através deles que vivemos.
Beijocas minha querida e doce amiga.
De Existe um Olhar a 14 de Outubro de 2009 às 23:33
Olá Libel
Os miúdos são muitos espertos, olha se não toparam a lagrimita?! Já conhecem muito bem a mãe e descobrem-lhe os truques, não há que enganar.
Que momento de ternura, estava a ler e a imaginar a cena toda...esbocei um sorriso.
Fiqueisem saber porque choravas, mas vou tentar adivinhar, posso?
Serviste-te do filme, que por sinal era de amor e aproveitaste para fazer saltar umas lágrimas que andavam aí reprimidas...será? Por vezes dá jeito ver um filme de amor.
Tens o melhor do mundo...os teus filhos, mas não faltará algo mais?
Beijos
Manu
De libel a 15 de Outubro de 2009 às 09:37
Olá Manu,
Já não se pode chorar á vontade...já viste isto???...ahhahhahah.....uma pessoa quer assim deitar umas lágrimitas para lavar a lama, mas qual quê...vem logo o festival da cosmética para aliviar aquele momento "down"....lol..., são realmente o melhor que eu tenho, não desgrudam enquanto não sentem que está tudo bem, por vezes tenho mesmo que dar aquele gritinho da ordem para que vejam que a mãezinha já está normal...(santa paciência)..
Não estava a chorar por nada em especial Manu, os filmes de amor mexem comigo, principalmente quando os finais são tristes, identifico-me sempre nalguma situação e as lágrimas saem sem dar conta, é a sensibilidade a falar mais alto, sinto pena, muita pena, são recordações, talvez saudades...não sei, não quero pensar muito nisso, aquilo é apenas um momento como outro qualquer, daí a nada já passa.....e eles sabem!!...

Olha.. esta conversa abriu-me o apetite..queres ir até á esplanada tomar o pequeno almoço? ..
Bora lá!..Hoje vou surpreender-te com uma tosta americana que é de chorar por mais.....
Eh...lá...mas prometes que não choras...já chega de lamechiches...ok!!!..

Beijokas
De Cris a 15 de Outubro de 2009 às 00:58
Não há nada melhor que esta sensibilidade filial!!
Os filhos notam aquele feeling, sobretudo nas mães... Apesar de muitas vezes não o exprimirem, eles sabem!

Beijocas
De libel a 15 de Outubro de 2009 às 09:52
Olá Cris,
Se sabem, eles percebem tudo, por mais que disfarçe...não consigo esconder as emoções mais expontâneas percebes?....e o jeito deles de contornar é alimentando a representação, assumem os papeis de desentendidos, mas ao mesmo tempo ficam preocupados, daí a cosmética e as massagens para desanuviar ...ahahhaha....., ás tantas já pareço uma múmia, mas dá resultado, pois acabamos sempre na risada.

Beijokas grandes amiga, e para o Duarte também....
De cumplicedotempo a 15 de Outubro de 2009 às 18:05
bem eu a primeira vista esta mistura de doce e salgado fez me lembrar a doçura da tua pessoa com o salgado dos torcicolos que eu já levei com os desafios gramaticais dos últimos posts
conclusão , choraste de remorsos .....
mas não ! alto ai e para o baile , a libel estava mesmo a chorar e não era por minha causa pfff
era por causa de um filme .... seria esse filme " como se tortura um cúmplice em dois actos" e ela chorava de alegria ? ou seria alguma sequela da serie "dr house" em que a cobaia do dito doutor e o infeliz do cúmplice , isto em 12 episódios seguidos ...

agora apetece me a mim chorar , porque ate agora não tinha lido o post ate ao fim , e descobri que afinal a doce libel também chora , por ser mulher , mãe , amiga , sincera e porque sabe que chorar não envergonha ninguém , pelo contrario faz bem a alma
e quem não chora só se aprisiona de más recordações
quem o faz liberta se a ela própria e as suas recordações

ps : adorei a parte de durona perante os filhos "ah coisa e tal ta tudo sobre controle" ahahhaha
mas aposto que os filhotes , melhor do que ninguém ja sabem a mãe que tem ;)

bem haja para vocês
beijo cumplice

De libel a 16 de Outubro de 2009 às 23:36
Cúmplice tu prepara-te, pois não se trata de filme nenhum, era incapaz de fazer essas atrocidades que mencionaste, torturar um Cúmplice, aquele que me acompanha em todos os meus actos, em todos os devaneios, em todas as brincadeiras, em todos os combates...nããããã....Dr. House...que maldade, jamais te deixaria nas mãos daquele louco, depravado, dependente e antipático, que verdade seja dita, tortura ...mas acaba por curar....lol...mas 12 episódios seguidos era um sacríficio enorme....uiiiiiii......nãããããã....tenho uma coisa melhor....queres saber o que é???....
Hummm....Gostas de ser desafiado tanto quanto eu não gostas??...Prometes que não choras?...Nem uma lágrimita....JURAS???...Então aqui vai:

....O que é...O que é.....

está em toda a parte...
é a beleza das palavras...
é arte em letras...
são esculturas do abecedário...
são vocábulos musicais...
é um sentir próprio de quem é gente...
é linguagem emocionada....

Será doce ou salgado??...

E agora é a parte de me fazer de durona perante um cúmplice apanhado desprevenido....lol..

Hei....que tal começares a dar vida aos neurónios e soltares a parede...ups...soltares a resposta, quero eu dizer....não vale sabotar..toutaver....
O meu nome é TANAKARA que vou engolir a seco....

P.s. Adorei os torcicolos..ehhehehe..

Beijokas

De cumplicedotempo a 17 de Outubro de 2009 às 18:07
está em toda a parte...pois nela revejo a alegria do meu dia a dia
é a beleza das palavras... que em frases , versos e desabafos se reflecte
é arte em letras... que preenchem a tela, branca folha de papel
são esculturas do abecedário... cinzeladas por rimas, esculpidas na eternidade
são vocábulos musicais... melodias dos pensares , refrões dos sentidos
é um sentir próprio de quem é gente... de quem ama, de quem vive
é linguagem emocionada.... que desta forma única e sincera puseste em desafio
" e poesia que me pedes
com poesia te respondo
reflexos de amizades
que com letras não escondo "

beijo Cúmplice ;)
De libel a 19 de Outubro de 2009 às 21:29
Eu não acredito, para além de dares continuidade às palavras formando frases lindas de morrer embalado pela magia da poesia, ainda tens a lata de acabar a rimar...buáááááá.....acabaste comigo, arrasaste o meu negócio pá!!...E agora com que cara te posso desafiar novamente, se a minha boca ficou "Ô" em forma de ovo, e não a consigo fechar...ahhahahhaha....ainda por cima estou sujeita a engolir moscas, sim...porque as moscas são espertas, também gostam de desafios, para elas tudo é novidade, e uma boca aberta é sempre uma tentação...glup..., eu já sabia que quanto à poesia iria engolir em seco...Tanakara que és um Cúmplice versátil e conhecedor de todos os encantos que a poesia nos oferece, mas bolas....as rimas são a minha perdição, perco-me com elas, pois dispõem sempre bem, aquela entoação, aquele som, aquele conjugar de terminações....aquela procura da palavra certa para um final musical....é isso..para mim as rimas são como a música...são como acordes em sntonia. Não achas??..
Puxaste por mim...agora atura-a...a culpa é tua!!...ehehhehhe..

Com poesia te desafiei...
Naquele jeitinho especial..
mas logo desconfiei...
que seria um erro fatal...
denunciaste a resposta..
numa sintonia sem igual..
e para ficar bem disposta..
ainda rimaste no final..

TOMA!!....e agora ....ahhahaaha.....isto é muito á frente...lol...

Beijokas rimadas









De mafalda-momentos a 18 de Outubro de 2009 às 19:03
Pois é Libel conforme prometido cá estou eu.
Não! Não é só por causa do prometido... é que depois de toda a troca de opiniões que tivemos últimamente eu sentia vontade de deixar-te também aqui no Teu Cantinho algumas palavras... porque bem o deixaste expresso no teu último comentário, a que decidi dar seguimento aqui no teu espaço, que era com as palavras que te entendias.
E como nos enterdermos pela escrita senão pelas palavras, não é mesmo?
E claro vou agradecer-te os elogios que me deixaste e não posso deixar de dizer que, apesar de serem demasiados, me souberam muito bem.
E vou confessar-te outra coisa. É que já por aqui tenho andado e se não tenho assinalado as minhas visitas é porque, lendo os comentários, vejo que já entre todos vós muita intimidade e conhecimento... e eu sinto-me um bocado intrusa... Libel faço-me entender? - Apenas por receio!
E claro já agora esclareço que cheguei até ti através do Intervalo para Café e para ser sincera já não sei como cheguei até ele.
Mas é assim que vou conhecendo este mundo... vou chegando a uns através de outros... e vou ficando mesmo que ninguém me veja.
E agora que já me "apresentei" vou direitinha ao teu
post.
AH os filhos Libel que tanto nos ocupam e preocupam, por quem tudo deixamos para trás, mas que tantos sorrisos nos trazem, que tanto nos preenchem a alma de alegria. Eles são na verdade os nossos grandes amores, os nossos tesouros.
Deu para perceber que tens dois (eu tenho 3 rapazes), um rapaz e uma rapariga... ou talvez por nascimento... seja ao contrário, mas isso pouca importância tem. O que é importante é ver o quanto se preocupam contigo e como sentem que têm e devem apoiar-te e dar-te a volta, para que essas lagriminhas sentidas seja lá pelo que for, se transformem num sorriso ou no tal grito da ordem.
São as pequenas coisas do nosso dia a dia, mas que tornam a nossa vida grandiosa e valiosa.
E é bom não esquecer que até as lágrimas fazem parte dela e nos tornam mais fortes.
Lá estou eu a falar que nunca mais me calo.
Vou só acrescentar que te acho muito coerente com as tuas ideias e verdadeira naquilo que dizes.
A tua escrita, exactamente ao sabor de como saiem as palavras faladas, são a prova disso.
Gosto e por cá virei mais vezes.
Valeu?
Beijokas
De libel a 19 de Outubro de 2009 às 22:21
Olá Mafalda,
Que docinho bom me trouxeste, as tuas palavrinhas, não existe nada com mais força, com mais peso, e olha que não é fácil , pois como já te expliquei, por vezes as mesmas induzem em erro devido ás variadas interpretações que fazemos. Mas quem tem o dom da palavra tem tudo e quem souber aproveitar o mundo das palavras consegue chegar a todo o lado e os sentimentos ficam bem mais completos.
Fiquei toda vaidosa com a tua confissão, pois nunca temos a noção de quem nos visita, se são apenas os amigos habituais ou se alguns novos, daí ficar embevecida quando me dizem que o meu cantinho lhes despertou atenção. É verdade sim que em relação aos comentários todos eles são portadores de grandes afinidades e cumplicidades, mas Mafalda todos eles começaram assim desta maneira, tal e qual como este que te escrevo. Deposito muito de mim nestes comentários, pois é através deles que a aproximação se faz, criando a tal empatia que nos possibilita um à vontade especial entendes??..Não consigo fazer um comentário apenas para escrever algo, aproveito sempre o máximo deles, ou para me divertir um pouco e aos outros também, ou para expor todas as minhas opiniões sobre os assuntos focados. Daí, o meu tempo ficar curto para poder dar atenção a todos quanto gostaria, mas...não consigo ser de outra forma. Aos poucos e poucos este caracol consegue chegar a todo o lado e como se costuma dizer: Mais vale tarde que nunca. Agora vou eu confessar-me, tens o confessionário aberto??..Posso entrar??...Juras que não está ninguém a ouvir a nossa conversa??..ok...depois vê lá, não te estiques com os castigos...heimmm..
Sabes que mais, os meus filhos são a minha luz, são eles que me oferecem diáriamente esta disposição, esta alegria, esta força, esta motivação, esta energia que me faz viver. Tu percebes o que digo, tens 3 rapazes..upa..upa....é dose!!..eu..sei é aquela história ...ah...e tal.. pode ser que venha uma menina ...ahahahaa...Acertei???...Mas tens 3 belos ragaços..que fazem as tuas delícias. Com a minha mãe aconteceu o mesmo, mas no caso dela, a aposta era num menino..anda tudo trocado, mas que ricas meninas..diz ela hoje!!..
Acertaste em cheio, a minha escrita é quase falada, se fosse possível pôr a boca colada ao ecran e transmitir tudo em que penso, saíria exactamente igual, quer dizer...sem os sinais de pontuação...ahhaaha.....(brincadeira)..

Beijokas, muitas beijokas e volta sempre..valeu ??
De mafalda-momentos a 27 de Outubro de 2009 às 17:40
E a palavras se responde com palavras.
Não foi muito bonito da minha parte não te escrever depois de tudo que me disseste, mas eu dou só uma "explicaçãozinha".
Há duas semanas que o meu prédio tem andado em obras...pinturas, impermeabilizações todas essas coisas das quais não percebo nada. Então eu que precisava aqui de umas divisões pintadas, achei que era uma boa aproveitar a oportunidade de andarem por aí uns pintores. E toca de andar com móveis de uma lado para o outro, pinta daqui, pinta dali. Enfim fazer um pouco como o caracol, andar com a casa às costas. Tempo e paciência para o PC quase nada.
Daí a demora em chegar aqui.
Quanto ao que me dizes pois acredito que assim seja. Em muitos de vós que vejo já existir uma grande afinidade, tenha também começado do nada, mas em relação a mim... é talvez um pouco de inibição... e também é como dizes falar só por falar não dá, quando escrevo é para expressar a minha opinião... fico sempre naquela... será que as pessoas aceitam bem... será que vão pensar- De onde é que saiu esta?... olha em relação a mim, espero curar-me, ou pelo menos atenuar esse "pequeno defeito".
E olha Libel o meu "confessionário" está sempre aberto para as brincadeiras e para as coisas sérias, para as alegrias e para as tristezas e isso acho que é uma coisa que poderás verificar com o tempo.
Quanto aos três rapazolas que por cá tenho, foi um bocadinho diferente. É que à segunda saiu-me um par deles. Tudo à espera que, já que eram dois, pelo menos viesse uma menina, mas não. Mas pronto vieram e tornaram-se absolutamente indispensáveis.
E os meus filhos são o meu tudo.
Ai que mães galinhas!!! Vou já mudar de assunto.
E volto. Claro que volto! Já fazes parte dos favoritos... não dá para descartar. Ok?
Beijokas também para ti
De libel a 28 de Outubro de 2009 às 17:29
Olá Mafalda, de facto estranhei a tua ausência, mas uma coisa que aprendi aqui neste espaço virtual foi a ter paciência e saber esperar, pois cada um tem os seus motivos, o nosso mundo não gira apenas à volta destes cantinhos, daí que por vezes tenhamos que nos ausentar, o engraçado e autêntico nisto é que ninguém nos cobra nada, ninguém nos obriga a nada e ninguém nos compromete, o fascínio da partilha é esse mesmo, dar sem esperar nada em troca. Aqui todos são conscienciosos, pois todos nós temos vida para além disto e compreendemos perfeitamente as limitações que por vezes se impõem. No entanto mais cedo ou mais tarde o bom pastor à casa volta, e cá estás tu a deixar-me feliz por te saber bem. E fizeste muito bem, cuidar da tua casinha, aquele espaço que nos acolhe e onde gostamos de nos sentir bem. Deste-lhe cor e alegria, de vez em quando sabe bem mudar alguma coisa, nem que seja apenas uma lavagem de cara, como se costuma dizer. Também faz pouco tempo, lavei a cara á minha casinha, estava a precisar de novas cores e então dei largas á imaginação e ora que vai disto, cores alegres, coloridas e cheias de vida!!..Os miúdos adoraram, o quarto deles ficou de verde alface em dois tons, e depois decorei com bastante laranja, ...quando o sol bate na janela, tudo fica iluminado. O meu quarto foi mais sóbrio, um beje clarinho, mas porque a decoração abusa um pouco nos vermelhos e laranjas também...assim suporta a decoração geral percebes??...Agora só me falta a sala, essa vou deixar para depois, está branquinho ainda, mas estou a pensar num amarelo forte, pois adoro o estilo rústico e com amarelinho joga bem.
Bem, já te dei uma seca de decoração, que AMO demais, não perco um "Querido mudei a casa"..adoro ver as ideias que eles têm, e depois imaginar como ficaria aqui ou ali....os miúdos só me gozam, pois vontade não me falta o pior é o resto (ás vezes é curto ...percebes??...mas devagarinho vou conseguindo fazer o que posso.
Com que então saíram-te gémeos, que fixe...sabes que sempre tive vontade de os ter, mas fui mais controladinha...ehhehe....foi um de cada vez, a minha irmã mais nova também teve duas meninas gémeas, agora estão com 13 aninhos, muito queridas. Os teus meninos também são lindos de morrer, realmente são o nosso orgulho.

Bem fico por aqui, pois ainda tenho muito que pedalar para responder aos teus outros coments, vou desenrolando um bocadinho em cada lado.

Beijokas e até jáaaaaaaaaa.....

De Sindarin a 19 de Outubro de 2009 às 14:24
Olá libel. Acho k na vida nada acontece por acaso e cá estamos nós a cruzar-nos. Eu tb sou uma chorona em filmes de amor, ou mais ternos já é crónico. É imperdoável da minha parte ainda não ter conhecimento do teu blog porque a tua maneira de escrever é como gosto, carinhosa, bonitas e com uma pontinha de graça e muito semtimento. Amiga sinto-me feliz de em boa hora ter resolvido escrever para dizer o k pensava sobre sinceridade. Eu disse ao cúmplice k o fazia só para dizer o k era para mim não para concorrer, mas depois aceitei. Fiquei feliz k ganhasses sinceramente mereces. Beijos mil para ti e para os teus filhotes,vou levar o teu link posso?
De libel a 19 de Outubro de 2009 às 23:17
Olá Sindarin, que surpresa boa aqui no meu cantinho. Ás vezes quando nos acontecem coisas menos boas, dizemos: Bolas, hoje não devia ter saído de casa não é??..Raramente penso assim, pois tento sempre ver o lado bom de tudo, a melhor opção, sou tolerante e compreensiva, mas também fervo e sacudo a poeira...como é óbvio, realmente existem situações que nos tiram um pouco a boa disposição. Mas o que quero dizer com isto, é que por outro lado também temos aqueles dias em que dizemos: Bolas, nada melhor me podia ter acontecido hoje.
Ora aí está, hoje foi um dia fabuloso, tive oportunidade de criar afinidades com pessoas que virtualmente se identificam comigo, com a minha sinceridade, pois através do teu texto conseguiste transmitir tudo o que sentes, a tua transparência e as tuas verdades. Gostei muito!!
Quanto aos blogs, digo-te uma coisa, tenho encontrado muitas delícias, assuntos que me prendem mesmo, histórias engraçadas, relatos interessantes, brincadeiras, mas ...e tempo, o problema é que não conseguimos chegar a todos, por isso não tens que te penalizar por não conheceres o meu blog, existem imensos blogs que vão de encontro ás nossas preferências, mas isso implica muito do nosso tempo, da nossa atenção, da nossa pessoa. Por isso, dizes bem, temos que levar isto na base dos acasos ou oportunidades, pois se assim não fosse a nossa disposição possivelmente não seria a mesma e tudo o que é de improviso é bem mais gratificante não achas??.
Quanto aos filmes de amor...buááááááá....traz-me o lençol...pleaseeeeeee......ahhahahaha...fico fanhosa, fico com o nariz bué vermelho, os olhos inchados....pareço um zumbie!!...Não tem explicação, mas ás vezes aproveito mesmo para descarregar...tásaver??..
Se podes levar o meu link???...Isso é pergunta que se faça??..É claro que podes, mas espera tive uma ideia.....não saias daí...
-Ambrósioooooo....
-Sim Madame.
-Pegue neste link e leve-o a casa da Sindarin.
-Mas..Madame, isso é algum bombom novo??
-Bombom novo??..mas tu estás bom da cabeça??..Um link, é um caminho...
-Concerteza Madame, mas como se transporta um caminho?? Levo o carro??..
-Hummm.., já tinha percebido que hoje não estás nos teus dias....
- Percebo Madame, mas no que puder ajudar, farei com muito gosto..
-Deixa...eu mesma vou lá!!...Aproveito e deixo uma caixinha de Ferrero de oferta...Traz aqueles especiais crocantes.
-Muito bem!!....A senhora sabe agradar....
-Oh..estou apenas a contribuir a gentileza da sua visita. E quero que volte aqui muitas vezes.Gostei da moça...sabes Ambrósio...é genuína!!...


Beijokas Sindarin e volta sempre!!...
De mafalda-momentos a 19 de Outubro de 2009 às 19:13

Libel
Venho de "casa" do cumplicedotempo e vim a correr para poder dar-te os meus Parabéns sinceros e não apenas por teres sido a vencedora, mas porque já li a tua "Sinceridade" e está francamente... posso chamar-lhe uma DELICIA? E ouso dizer que escolhida por ele, só podes ser mesmo merecedora.
A sério está bom demais, mesmo ao teu jeito de escrever e deveras ben delineado e verdadeiro.
É assim mesmo, com coragem, que fabricamos a sinceridade não só para os outros, mas também para nós próprios. Se não sabemos como, ou o que somos, como podemos viver tranquilos, ajudarmo-nos e quem saber ajudar o próximo. E tudo isto faz parte de sermos apenas verdadeiros, genuínos, numa palavra sinceros.
Parabéns mais uma vez e vê se lês o livro depressa, porque fico à espera do próximo desafio. Tou a brincar Libel (só nesta parte) tá bem?
Agora vou ler os outros cheia de curiosidade!
Um beijinho
De libel a 19 de Outubro de 2009 às 23:38
Ahhahahha...Mafalda quase tropeçavas aqui na entrada, o que vale é que estava aqui e consegui amparar, sabes que senti o teu entusiasmo e logo as minhas antenas se puseram no ar...foi muito bom, a sério sentir a tua expontâniedade...assim tal e qual como eu gosto, despejar aquilo que estamos a pensar, sem receios, sem vergonhas, sem entraves ...adorei a tua entrada , a tua energia...a tua nova faceta, é assim mesmo Mafalda solta-te....atreve-te...vais sentir também na pele a tua sinceridade vais ver??..Ainda bem que gostaste do texto, foi escrito com tanta emoção, foi como se estivesse a falar comigo percebes??..
Este desafio mexe com todos nós, com muitos sentimentos, tem sido uma experiência fabulosa participar em todos eles. Agora tocou-me a mim dar continuidade, o que me deixa deveras lisongeada, mas também apreensiva, pois a responsabilidade é enorme, mas vou dar tudo de mim para que o próximo seja encarado com o mesmo entusiasmo, dedicação e partilha, espero que todos os participantes se sintam tão envolvidos quanto eu me tenho sentido.
Amiga vou fazer os possíveis para ler o livro rápido, pois estou super curiosa com o desenrolar do novo desafio, mas...o trabalho está um pouco contra mim, vamos ver o que consigo fazer. Mas uma coisa é ponto acente: Tu não me escapas ouvistes!!..

Beijokas e estou de olho no teu blog ...ehhehehe...



De mafalda-momentos a 27 de Outubro de 2009 às 17:59

Só para te dizer que daqui te consegui sentir alegre, entusiasmada e emocionada, pese embora o facto da responsabilidade a que te referes.
Mas já sabes na arte de viver, todas essas sensações existem e é bom sinal que as sintamos.
No fim vais dizer - Afinal até foi fácil.
E agora estás a dizer com os teus botões - Será que ela (eu) hoje tirou o dia para me roubar tempo? É que ainda não te vais ver livre de mim.
EhEhEhEh
Fica bem Libel e beijinhos
De libel a 28 de Outubro de 2009 às 17:48
Cá estou eu outravez....e dizes bem, a responsabilidade pesa mesmo, mas vou dar o meu melhor, pois para além de encontrar motivos mais que suficientes para me entusiasmar , por outro lado não quero de todo desiludir aqueles que depositaram confiança e estima em mim. Não o faço apenas por mim, mas por todos os amigos que aqui tenho e outros mais que possam acrescer e porque este desafio merece toda a minha dedicação.
Quando falo em responsabilidade, não se trata de querer ser melhor ou querer superar todas as expectativas, pois penso que tudo o que é feito e partilhado com amor não existe termo certo, melhor ou pior. A principal responsabilidade a que me refiro é no tempo para lançar o desafio, pois como sabes a leitura do tal livro que nos é passado em desafio é essencial e fico um pouco apreensiva, pois não tenho conseguido pegar nele, e isso deixa-me um pouco frustrada. Mas vamos pensar positivo não é??..tudo se resolve!!.... e o desafio não tarda está aí.....FORÇA CARACOL....

Beijokas

P.s. ahhhhhh...e não quero mesmo ver-me livre de ti, quero mesmo é que me roubes o tempo que quiseres...vou estar sempre aqui....Ouviste??...
De Marta a 20 de Outubro de 2009 às 22:42
Libel minha querida,
Parabens por seres mais um elo do desafio em cadeia. E quando colocares o teu desafio não te esqueças de me avisar.

Beijinhos e mais uma vez .. obrigada pela colaboração
De libel a 21 de Outubro de 2009 às 13:19
Olá Sonhando, eu que agradeço por um dia me ter cruzado com o teu blog e com a tua pessoa, pois este desafio não só prima pela corrente de amigos que lhe tem dando continuidade com todo o empenho, entrega e carinho, como pela força, dedicação e motivação que tu transmites.
Fico muito lisongeada por fazer parte deste elo e mais importante ainda de poder contribuir para que cresça e seja acompanhado por todos.
Fica tranquila quanto ao aviso, pois serás a primeira pessoa a ter conhecimento do mesmo assim que o meu tempo o permita. Vou fazer os possíveis para que seja bem rápido, pois não quero de jeito nenhum que fique esquecido, mas sim que esteja sempre presente. Para isso já comecei por fazer um pequeno resumo no meu post de hoje, aproveitando os acontecimentos fabulásticos que decorreram durante a semana. Fiquei muito feliz.

Beijokas amiga e obrigado pela tua sinceridade....também gostei muito!!..

Comentar post

*O meu olhar é nítido como um girassol, sinto-me nascida a qualquer momento, talvez por ser distraída demais, mas é bom sentir que cada vez parece sempre a primeira. Aqui todos os dias vão ser assim: UMA AGRADÁVEL SURPRESA!!

*pesquisar

 

*Outubro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

*Plantações recentes

* A vida no campo é...

* Sexto re(encontro) de blo...

* Ri-te pa, ficas mais boni...

* receita da alegria

* "Cumplicidades" lingerie ...

* #Dia da Mulher#lingerie r...

* Cúcú...BOM ANO por aqui

* É sexta-feira. Yeehhh!!!

* É giro quando...

* Que tal, para o nosso jan...

* Prometo perder...

* Sem título que é melhor.....

* Encontros perfeitos...

* Amizade é fazer o bem...

* Momento da verdade V

* Encontros, amigos e alhei...

* Quem adivinha?

* E... se não houver amanhã...

* FELIZ DIA DA MULHER!

* Um dia vou escrever um li...

*últimas colheitas

Puxa, até fiquei com os olhos em bico quando vi es...
Mauzinho, eu?Amuei!
I know I know, sorryyyyy, reparei logo a seguir n...
Erro no pedaço: este eu é o Observador e não o Obs...
Oiapppppp..., por mim está no papo!!!Agora temos q...

*Os amigos azuis!!

 

 Azul.. azul..azul..

Uma das mais belas cores do mundo.
Pode representar o céu, uma flor,

um fruto, o mar, um sorriso,

uma emoção, um sentimento...
Cheio de beleza e clareza!
Uma cor que nos faz sentir seguras,

a cor da imaginação.
Uma cor suave...

que nos tranquiliza ..

Azul..azul..azul...

É a cor da Amizade!!..

 

*Outras plantações

* Outubro 2017

* Maio 2017

* Abril 2017

* Março 2017

* Janeiro 2017

* Julho 2016

* Junho 2016

* Abril 2016

* Março 2016

* Fevereiro 2016

* Janeiro 2016

* Dezembro 2015

* Agosto 2015

* Julho 2015

* Junho 2015

* Maio 2015

* Abril 2015

* Janeiro 2015

* Junho 2014

* Maio 2014

* Abril 2014

* Março 2014

* Fevereiro 2014

* Janeiro 2014

* Dezembro 2013

* Junho 2013

* Maio 2013

* Abril 2013

* Março 2013

* Dezembro 2012

* Outubro 2012

* Agosto 2012

* Junho 2012

* Maio 2012

* Abril 2012

* Março 2012

* Fevereiro 2012

* Janeiro 2012

* Dezembro 2011

* Outubro 2011

* Setembro 2011

* Agosto 2011

* Julho 2011

* Junho 2011

* Maio 2011

* Abril 2011

* Março 2011

* Fevereiro 2011

* Janeiro 2011

* Dezembro 2010

* Novembro 2010

* Outubro 2010

* Setembro 2010

* Julho 2010

* Junho 2010

* Maio 2010

* Abril 2010

* Março 2010

* Fevereiro 2010

* Janeiro 2010

* Dezembro 2009

* Novembro 2009

* Outubro 2009

* Setembro 2009

* Agosto 2009

* Julho 2009

* Junho 2009

* Maio 2009

*links

*Obrigado Sindarin

*É aqui neste...

Cantinho virtual
que escrevo os meus pensamentos.
É onde gravo o que sinto
o que me inspira, vejo e sonho.
É onde todos vocês podem escrever
comunicar, informar, apresentar,

partilhar, sorrir e brincar. 
E tu também tens o teu cantinho?
Aquele onde as palavras se soltam

como notas de música...no ar.

Onde os sabores são néctares

e se misturam em páginas virtuais.
Eu tenho.
É aqui mesmo.
Entra e descobre tudo o que tem
num simples..."CLIC"..

 

*Voltem sempre!

Remédio santo...

 

Adrenalina ao rubro...

 

Equilibrio perfeito...

 

      = Família feliz

*Posts mais germinados

*tags

* todas as tags

*Obrigado Daisy e Tiger

*Eu participo


Amigos de longe que

gostava de conhecer

Lis-Brasil

A minha fotografia

Julieta-Brasil

Wânia-Brasil

A minha fotografia

Amigos que já conheço

Paulo-Lisboa

Manu-Óbidos

Mafalda-Lisboa

Lovenox-Coimbra