Quinta-feira, 15 de Abril de 2010

LEMBRAM-SE DESTE POST DAS "GAIJAS"??...

 

 

"CONVERSA DE GAIJAS"...

            LEMBRAM-SE DEST POST...??

Sara, uma miúda simpática e extrovertida vivia momentos angustiantes, um amor sufocado pela dúvida que crescia de dia para dia. Conheceu um rapaz, de quem gostou à primeira vista, começaram a sair, gostavam de estar juntos, ele sempre atencioso com telefonemas e mensagens, delicado e simpático com presentes, os dias passavam, a aproximação era cada vez maior...mas.....não passava disso, ele não avançava e Sara desesperava, pois achava ela que, pelo interesse demonstrado já era altura de dar o passo seguinte. Em desabafo com as amigas foi apanhada neste post. Achei a história interessante e bastante construtiva, pois "infelizmente" já nos habituamos à rapidez dos acontecimentos nestes episódios amorosos, mas ainda assim existem excepções, as quais nos surpreendem pela positiva.

 

Nenhuma delas sabia da existência deste post, apenas mais tarde e com o objectivo de conseguir mais informação, dei conhecimento à Kit (por ser a mais assídua junto de mim, numa altura em que se enfiam nos livros para o exame de especialidade e também nas diversas actividades práticas que desafiam nos hospitais) enfim...queria mesmo estar a par das novidades e apurar o resultado desta história encantada. Seria o meu elo de ligação para satisfazer a vossa curiosidade, após especulação saudável em comentários tão generosos, espirituosos, conselheiros e compreensivos, os quais agradeço de coração. Pedi-lhe no entanto para não divulgar às amigas este conteúdo, pois não sabia até que ponto, a mais implicada (Sara) iria aceitar esta "invasão de privacidade", mesmo que, como é óbvio, tenha substituído os nomes próprios, para não se identificarem nas personagens. Mas ela (Kit) não resistiu, ao tomar conhecimento da evolução da história, achou por bem dar o endereço do blog à Sara e mostrar-lhe o enredo que se gerou à volta da mesma, com o intuito de felicitar a amiga pelo acertado desfecho que ela conseguiu provar e saborear em tempo certo. 

 

Passou-se cerca de um mês, desde essa altura, vieram as Férias da Páscoa, Viagem de Finalistas, e o meu apetite voraz por notícias escaldantes teve que se resignar a esperar por melhores dias, pois as meninas queriam tudo, menos pensar nos estudos ou visitar a marmota amiga. Entretanto, foi engraçada a coincidência, quando  alguém me questionava sobre o assunto (a curiosidade ainda estava presente)   o mesmo se demestificou, pois a Sara tomou as rédeas da situação e deixou-nos um comentário delicioso, este que vos deixo aqui e ainda mais este aqui, onde podem comprovar que o Amor é lindo, aquilo que tiver de ser nosso, às nossas mãos virá parar, não adianta forçar ou precipitar, pois como ela muito bem diz "Por vezes há que saber esperar e disfrutar do que vai acontecendo e de cada momento tal como ele é... por vezes a recompensa vale todo o esforço"...nem mais, fiquei rendida a esta lição de vida, aumentou o orgulho e admiração que tenho por estas miúdas e fiquei com o coração a transbordar de alegria pela felicidade que ela transmitiu nestas palavrinhas de sonho.   "E, para mim, estes últimos meses foram únicos e perfeitos".

 

 

E pronto, aqui estão elas, felizes e descontraídas na sua viagem de finalistas, a gozar os últimos cartuxos de "liberdade".

 

 

Felicidades para ti "Sara" e "Diogo" espero que um dia, os dois se possam rir deste episódio maravilhoso partilhado por todos nós e no qual depositamos toda a nossa esperança e votos de um final feliz.

 

 

Beijokas

Iz@

 

 

 

germinado por libel às 10:58
link do post | Semeia | favorito
|
22 comentários:
De luadoceu a 15 de Abril de 2010 às 13:02
Pelo menos tua amiga vai /foi de férias com o amor no coração e feliz.
Que bom que correu bem, que conseguiu tomar as redias da situação, as vezes não é preciso se ro homem a fazê-lo, por isso ha o Dia Internacional das Mulheres, nós emancipamo nos em tudo, até no Amor, desde que não seja desmedido e descomunal...mas em conta peso e medida vivendo,tudo o que ele merece, porque merece e merecemos ser felizes.
E como tua amiga diz e bem, ás vezes a distância faz bem,para colocar coração e pensamento numa almofada, dormir sobre o assunto (salvo seja) e tomar decisões e ainda bem que foram positivas para ambos.
Teve duas realizações: sentimental e estudial...ehehehe
Ás vezes, as decisões podem tomar rumo bom ou mau para nós, mas a vida é um risco e há que vivê-la, senão não vale a pena, de todos os riscos que tomeis, houve poucas que me lamentei, mas vivi as e hoje a vida deu me meu namorado e filha para culminar tudo o que vivi e ficar por aqui e posso dizer: vivi.
Quanto ao ser corajosa, o facto que contei é verdadeiro, expux me fora do meu blog, porque foi, como dizes muito positivo para mim, nunca pensei que um homem maduro, como era, pai de uma filha adolescente, já vivido, olhasse para mim, que nessa altura quase nada vivi e sabia da vida...e não me arrependi,porque é um bom homem...Não foi amor ppm...foi uma aventura, mas foi muito bom...
E se calhar sou a primeira de novo...passo o tempo em casa é o que dá!
Parabéns!!!!!!!!!!!!!!!!!Viva o amor..........sempre vale a pena!
Bjos Libelinha...eheheheh
De libel a 15 de Abril de 2010 às 16:13
Olá Lua,
Gosto de te ver por aqui logo nas primeiras páginas e sabes porquê??...Porque iluminas este cantinho com a tua boa disposição e optimismo, viajo pela tua lua cheia e perco-me sempre nas novas que contas.
És um céu aberto e desejo que as tuas amigas estrelinhas te ofereçam sempre motivos para esse brilho te acompanhar pela vida fora.

Tens razão quando dizes que a vida é um risco, mas se não corrermos alguns deles, não vivemos, vegetamos, temos mais é que experienciar e tomar proveito de todas as vivências por que passamos, mesmo que por vezes não correspondam às expectativas, pelo menos servem de aprendizagem.

Quanto aos pombinhos, diria que, viver é desenhar sem borracha, deixar a tinta correr, usar cores coloridas e pintar o amor de rosa, não apagar nada, deixar apenas acontecer. A tela encarrega-se de tudo o resto para que nela possam sempre apreciar a cor dos seus sorrisos.
Amar não é aquilo que queremos sentir mas sim aquilo que sentimos sem querer!...

Admiremos a lua, sonhemos com ela, mas não queiramos trazê-la para a terra.

Tu sim...pertences aqui Luadoceu...
Beijokas amiga
De mafalda-momentos a 15 de Abril de 2010 às 14:24
Porque cuscas já sabes que sou e já andava a achar que o resultado tardava, já lá fui espreitar... "aqui e aqui".
Dos comentários da Sara sente-se bem que está feliz e é admirável para mim, verificar que ela não tiraria ou acrescentaria nada ao modo como viveu todo este episódio da sua vida.
Atrevo-me daqui a enviar-lhe um beijinho de parabéns pela "insistência" em não desistir. Tão novinha já aprendeu que aquilo que tem que acontecer a seu tempo virá. Felicidades é o que lhes desejo.

E a nós "comentaristas" daquele post, estamos ou não estamos todos contentes pelo Final Feliz?
Eu sei que sim que vocês são todos pessoas espectaculares!

Não... não me esqueci de ti... sei muito bem que tu és a "dona" do post e do blog e que sem ti eu não estaria aqui no blablabla (atenção que o blablabla é sincero). Deixei-te para o final de propósito para te poder agradecer mais uma vez toda a alegria, energia, imaginação e partilha e a doce e sincera pessoa que nos dá sempre sorrisos de esperança e nos faz acreditar que a vida é bom ser vivida.
Sabes o que quero? Que tenhas um lindo dia.
Beijokinhas
De libel a 16 de Abril de 2010 às 15:57
Ahahahhah...Mafalda, já tinhas andado a meter o dedo na guloseima sua gulosa, e que rico doce a Sara nos deixou, por vezes torna-se díficil aconselhar neste tipo de situação, pois até nós mais vividos e experienciados fazemos tanta asneira, sofremos por antecipação e damos passos mais compridos que a perna. Mas fico feliz pelo desfecho e pela atitude da Sara, pois foi a mais acertada e consciente. No geral acho que todos nós contribuimos com uma boa dose de optimismo e esperança e isso reflecte-se aqui nos comentários, foi um assunto que mexeu com todos e que nos proporcionou uma grande alegria.

Agora como "cotinhas" mais velhas e não obrigatóriamente mais sábias, mas pelo menos mais vividas, cabe-nos a tarefa de ensinar a Sara a manter esse amor não é??...Anda lá Mafalda, explica como isso se faz...

-Euuuu...então tu achas que sei...
-Claro que sabes, pelo menos tenta, já viste a imagem que vamos passar pá...inventa!!...
-Ora, tu metes-me em cada uma .., pensas que é fácil manter um amor, se soubesse...bom deixa-me estar calada....
-Pronto ...já vi que hoje acordaste com os pés molhados....
-Pudera...já viste como chove...
-Ok...já estás a mudar de assunto, eu conheço-te bem....
-Pronto, está bem... vou tentar, mas não prometo nada...às vezes não é tudo tão cor de rosa....
-Está bem, já sei...mas conta !!...

Então é assim Sara:
Experimenta pegar num pouco de areia e fechar a mão com força, vais reparar que, quanto mais forte apertas a areia com a mão, com mais velocidade a areia se escapa por entre os dedos..não é??
Então...de seguida abres completamente a mão e o que acontece??..Ela desaparece toda, porque os ventos são muito fortes e levam-na.
Voltas então a pegar num pouco de areia e mantém a mão semi-aberta como se fosse uma colher..., bastante fechada para protegê-la e bastante aberta para lhe dar liberdade...percebes-te??..

É assim que se faz durar um amor... protegendo sem sufocar.

-Vês que bonito, eu sabia ...tu tens esse dom ...
-Qual dom...só espero que dê certo...
-Claro que vai dar certo e sabes porquê??...
-Aiiii...Jasus, o que vem agora...
-Porque a nossa amizade também é assim e tem resultado..
-Libel Maria andaste metida nos doces, estás muito melosa...
-Euuuuu....nem com um dedinho....
-Pois...conta-me histórias...e essa baba aí no canto da boca ..é de quê??..
-Qual baba...
-Ok..vou fingir que não vejo....
-ehehhehe....vês como resulta!!...às vezes temos que fechar um olho....
-LOllll....és lixada pá!!...

Beijokas amiga
Já só falta....um danoninho...



De tangerina a 15 de Abril de 2010 às 15:22
é ....cá estou eu, como é obvio não podia de deixar de meter o bedelho, acredito no amor, acredito em todo o tipo de amor desde que seja mesmo amor.
Um brinde ao amor, um brinde á persistencia, um brinde á sinceridade, um brinde a este cantinho que nos brinda com tanto amor, carinho e histórias
deliciosas.
Um brinde a ti Libel
Um brinde ao amor que nasceu, cresceu, e resistiu a ultrapassar barreiras entre a sara e o diogo!!!
Xiça pá com tantos brindes acho q já estou com os copos!!!
as maiores felicidades
beijocas
De libel a 16 de Abril de 2010 às 16:27
Ó Suummmarennnntaaaa....isto com tannntooooo binde já começo a ver o terbostato às boltas..,
Debois de beia hora de tchimm ..tchimmm..vou tentar sair pela borta das taseiras, vou ao gondrário para ningém ber esta miséria..iccc.. Toing...Uiiii...a minha cabeça...espela, vou dendar dovamente sair direito...porque na primeira dendadiva naaaoooo deeeeuuuu.

Ahahhhha....Está condenada não é???...Bebe mas é para esqueceres ...

Beijokas e Viva ao Amor!!...
És a maior!!...
De lis a 15 de Abril de 2010 às 22:33
Oi Libel
Perfeito final feliz nessa historinha !
E pra lembrar Vinicius de Moraes "
Que não seja imortal, posto que é chama
Mas que seja infinito enquanto dure."
Parabéns pela espera bonkita.

Libel, desculpe nao poder acompanhá-la como gostaria , tenho estado de meia "ressaca" como o mar , com vontade hibernar em pleno outono rsrs
Saiba que estou aqui , bem perto , distantes apenas por um fio resistente cibernetico que nao se quebra. rs
E o Rolando ( entremares) capitulou? voce acha que volta? pela demora parece que nao.
Pena porque gostava de ficar aquecida pelo calor dos contos dele .
beijinhos Libel,fique bem



De libel a 16 de Abril de 2010 às 16:43
Oi Lis amiga,
Foi uma surpresa e tanto, não esperava ter notícias tão breves, mas tudo aconteceu dentro do prazo certo e da melhor forma. A Sara apareceu e conseguiu satisfazer a nossa curiosidade sobre o assunto. Foi um final surpreendente mesmo, pois até eu no meio disto tudo, fui apanhada de surpresa, pois contava eu ter que esmiúçar uma das miúdas na tentativa de mais alguma pista. Ainda bem que tudo correu bem, é muito gratificante tudo aquilo que se sente neste cantinho, ver que tudo tem um fundo e que esse fundo é bom e acompanhado por excelentes pessoas, todos vós que convivem e partilham comigo estas vivências.

Quanto a ti amiga, de vez em quando é bom ressacar, não fiques é muito tempo, pois depois acostumas...rsrrsrs..., tu sabes que esse fio está sempre ligado, mesmo que não venhas por aqui, a energia passa e a tua presença se sente, por isso vem sempre que tenhas vontade e sem pressa, num canto ou noutro a gente se encontra!!..

Quanto ao Rolando...palavras para quê??..É um artista português que nos deixa com saudade e aperto no coração, mas ...os amigos estão aqui e quando voltar, a fogueira vai aquecer de novo!!

Beijokas amiga..
Bom fim de semana
Muitos sorrisos...
De Paulo a 15 de Abril de 2010 às 23:45
Olá Libel ^_^

Gostei muito do final feliz desta história, acho que estivemos todos por fora a torcer para que desse certo e deu. Ainda bem que não houve desencontros ou ainda teríamos um epílogo do género “As palavras que nunca te direi”. Neste teu cantinho respira-se harmonia e alegria reflectidos em palavras que dizemos, gostosas por sinal.

Como em todas as boas histórias, falta escrever para memória futura, o que aconteceu a todos estes personagens que um dia participaram:

Sara e Diogo, foram eleitos a rainha e o rei no baile de finalistas, ao formaram-se entraram numa joint-venture, onde ela gere um resort, enquanto ele gere o campo de golfe adstritos ao empreendimento. Vivem felizes e românticos como no tempo em que se conheceram.

Libel desenvolveu um conceito novo de workshops para todas as idades interagirem culturalmente entre si. Os seus ensinamentos à base de espalhar amor, alegria e carinho, tornaram-na muito popular e até já tem um programa de televisão com altos índices de audiência.

Tangerina escreveu um livro de sucesso que se tornou um dos “best-sellers” de vendas e catapultou o seu nome para a ribalta: “alguma coisa diferente aconteceu na montanha”. É requerida em muitos colóquios e conferências onde esta famosa escritora explica as reacções e maneirismos do homem moderno a estímulos e maneirismos femininos.

Paulo também se tornou escritor após a publicação do livro “contra todas as probabilidades, a natureza nos surpreende”, este êxito granjeou-lhe muitos títulos honoríficos por inúmeras Universidades, vive no entanto retirado de eventos sociais na sua cabana de montanha nos Alpes.

Manu fez sucesso a nível mundial quando fundou o seu primeiro SPA de mentes, juntou terapias naturais em actividades de lazer saudáveis baseadas na natação e sauna para o corpo enquanto no mesmo complexo turístico, criou bibliotecas cujas salas de leitura são dentro de enormes estufas geodésicas contendo inúmeras plantas exóticas de todo o mundo com efeitos de água fantásticos.

Lis tornou-se fotógrafa profissional, as paisagens naturais que ela deu a conhecer o seu olhar felino, atraiu o interesse de cientistas e artistas de todo o mundo pelo seu trabalho na descoberta de fauna e flora novas na Amazónia. Viaja para todo o mundo para imortalizar aquilo que ela afirma “o momento certo à hora certa, eu vi.

Genny tanto procurou que encontrou uma varinha mágica, a principio resolveu os problemas todinhos, só ai se deu conta que afinal sem problemas ou qualquer coisa para resolver, a vida não fazia sentido. Passou a viver uma vida normal quando se livrou da varinha.

luadoceu gere uma cadeia de infantários e escolas básicas personalizadas, onde se ensina o valor do carinho e dar afectos, da amizade e amor pelo próximo, descobriu que tinha o dom de acolher todo o tipo de crianças e devolver-lhes a esperança de se tornarem homens e mulheres de um futuro mais risonho. É embaixadora da UNICEF.

julieta barbosa tornou-se também ela uma escritora o seu 1º livro traduzido para mais de 20 idiomas “Por que Escrevo”, no livro ela responde: «Escrevo porque chove saudades no terreno das minhas lembranças e na escrita eu deságuo as minhas urgências, curo velhas feridas e engano o relógio das horas trazendo o passado para brincar de aqui e agora...», foi o primeiro de muitos êxitos com vista a enaltecer a criança que todos temos dentro de nós, ávida por mudanças e com sede de conhecimento.

mafalda foi a ministra da cultura mais bem amada deste século. Pela sua governação, finalmente o Estado reconheceu a importância de fazer chegar a todos uma cultura de massas e para as massas, respeitando heterogeneidades sociais, étnicas, etárias, sexuais ou psicológicas. Nós que tínhamos iniciado os descobrimentos agora mostrávamos o rumo a seguir a nível de preservação da identidade cultural de um povo.

Sindarin concretizou o seu sonho de declamar poemas pelo mundo inteiro, todos da sua autoria, o conteúdo profundo e emotivo das suas palavras encantam plateias, a força das suas palavras para a construção de um mundo melhor mereceram já este ano ser nomeada para o prémio nobel da paz.

Fim

Beijinhos Libel, bem merecidos ^^
De libel a 16 de Abril de 2010 às 14:21
"Paulo também se tornou escritor após a publicação do livro “contra todas as probabilidades, a natureza nos surpreende”, este êxito granjeou-lhe muitos títulos honoríficos por inúmeras Universidades, vive no entanto retirado de eventos sociais na sua cabana de montanha nos Alpes"

(Narradora convidada)
Após anos de refúgio nas montanhas, erudita dos próprios sonhos e escritos, fomos encontrá-lo já velhote, com grandes barbas brancas, vestes simples e quentes. O cajado descansava a seu lado, junto da cadeira de baloiço, gasta de tanto uso, mas tão robusta que o embalava naquela manhã fria. Com os olhos semi-cerrados, sentia-se a brisa fresca passar-lhe pelos cabelos desalinhados. Ainda era cedo, mas o fumo que saía da chaminé denunciava a bela refeição que se avizinhava, sentiu-se no ar o cheiro do cravinho, misturado com tomilho, talvez um guisado de carne, assim os nossos sentidos adivinhavam. Os olhos pousaram na janela onde se encontravam a arrefecer belas maçãs assadas, a essência da canela confortava o estômago e o fio de prumo espalhava-se entre as árvores . Ali estava um lugar onde todos gostaríamos de viver, ali estava a paz que todos procuramos, ali estava uma boa razão para esse refúgio. Ali estava aquele homem no meio de montanhas grutescas, iluminado, de sorriso ameno e uma serenidade no respirar. Levantou a cabeça, suspirou, abriu os olhos, um olhar azul, intenso, carinhoso e afável nos dirigiu sem estranheza, foi quebrado o silêncio, dirigiu-se até nós apoiado no cajado e brindou-nos com um largo sorriso de boas vindas.

A Sara e o Diogo chegaram-se à frente, eram eles que transportavam em suas mãos a surpresa que todos lhe reservamos. O grande Laço.

Mas a Libel como sempre desafiadora, sugeriu que todos mentalmente o brindassem com a cumplicidade do grande Laço, pela sua Amizade constante e pelo carinho que sempre demonstrou por todos.

Assim a Tangerina foi a primeira a avançar e com os seus maneirismos habilidosos pegou numa fita azul e deu-lhe umas voltas, enroscando até prender suavemente as pontas...

Logo a seguir a Manu segurou as pontas e com o seu espírito Zen soprou nas mesmas carinho e alegria, vários círculos se formaram, deixando espaço para outros abraços.

A Lis com a sua máquina conseguiu apanhar o laço a jeito, não estava ainda completo, bastavam apenas umas voltas, no entanto já denunciava formas bonitas, para um abraço perfeito.

A Genny estava deslumbrada e perguntou: É assim que é um laço?... um abraço num presente, num embrulho, no cabelo ou num vestido, em qualquer coisa onde o faço. E quando puxo uma ponta, o que é que acontece?

Ao que a Luadoceu respondeu: Vai escorregando devagarinho, desmancha, desfaz o abraço.
Soltas o presente, o embrulho, o cabelo fica solto no vestido, mas na fita é curioso, não faltou nem um bocado. Ah! Acho que é assim a amizade. Ou tudo que é sentimento? Como um pedaço de fita??

Interviu a Julieta: Exactamente igual, enrosca, segura devagarinho, mas pode desfazer-se a qualquer hora, deixando livre as duas bandas do laço. Por isso se cosruma dizer: laço afectivo, laço de amizade.

Acrescentou logo a Mafalda: E quando alguém se chateia, é usual dizer-se: romperam-se os laços.
E saem as duas partes, como pedaços de fita, sem perder nenhum bocado.

Finalizando a Sindarin: Então a Amizade é isso... Não prende, não escraviza, não aperta, não sufoca. Porque quando se torna nó, já deixou de ser um laço... e formou um abraço!!..

Pois é amigo Paulo, viemos de tão longe para te oferecer este grande laço: A nossa Amizade.
Solta as pontas devagarinho, desfaz os nós suavemente e recebe este nosso grande abraço, porque a AMIZADE é doação, é partilha...é reciprocidade espontânea e livre! ...e nós viemos partilhar contigo este bonito momento!!..

Fim...
Ahahhahaahah...
Beijokas...e felicidades para todos...
De luadoceu a 17 de Abril de 2010 às 13:18
Paulo, por pouco acertas no facto que adoraria ser educadora de infancia, porque será?
Gostei muito de toda a observação sobre a minha pessoa e não discordo em nada.

Libelinha ja viste conversas cruzadas?, por pouco nao estavamos num cafe a conversar se nao fosses esta maldita chuva, apos um sol tao bom, que me enxugou roupa, agora molhou me outra, que estava semi enxuta e nem vale a pena tira la...que raiva......))

Bjos aos dois.....gosto de vos ler...
De green.eyes a 16 de Abril de 2010 às 15:32
... será um registo para a posteridade ...

bjs
De libel a 16 de Abril de 2010 às 16:04
Green amiga, amanhã vou para os teus lados, ...bora beber uma ginginha ??..
De green.eyes a 16 de Abril de 2010 às 23:12
... podias ter avisado mais cedo ...
Amanha parto as 7 da manha para Tomar o meu filho vai ter uma prova lá.

Fica para a proxima, eu não me vou esquecer da oferta.

Bjs
De Sindarin a 16 de Abril de 2010 às 17:57
E viva a felicidade num mundo em que deve ser aprovitada ao máximo... Bjs para ti aos molhos. e um óptimo fim-de-semana! Que raios do hifen é uma chatice no fimdesemana Pronto! Ando mesmo com a birra eheh... Jocas muitas repenicadas e fofas.
De libel a 20 de Abril de 2010 às 13:30
É isso mesmo Sindarin, os contos de fada ainda existem e acreditar neles não é apenas um sonho, mas sim uma realidade que devemos abraçar.

Mesmo com a birra, toma lá uma beijoka, pode ser que passe e fiques com um sorriso de orelha a orelha...Lolll..
De Existe um Olhar a 17 de Abril de 2010 às 00:02
Bom Libel..eu não queria divulgar ainda o belo SPA que montei para receber o amor de duas pessoas que começaram pouco a pouco, com cuidado, tentando avaliar o que ia pouco a pouco nascendo no coração de cada um...e quando todos pensavam, especulavam sobre as intenções do Diogo, ele estava apenas a construir bons alicerces para construir um amor duradouro e sincero e a melhor forma de o fazer é começar com uma bela amizade.
Fiquei feliz por eles e espero-os no meu SPA onde poderão usufruir de uma bela sauna, onde poderão lavar a alma, embevecerem-se com beijos apaixonados no meio de plantas e aromas que farão perdurar e tornar inesquecível um amor que eu desejo seja eterno.

Eles têm sorte de ter uma amiga como tu.

Desejo-te um fim de semana bem selvagem e podes sempre visitar o meu Spa.

Beijos Amiga
Manu

De libel a 20 de Abril de 2010 às 13:42
E pronto, descobriram-te a careca...e agora??..Vais ter aqui as figuras públicas todas a pedir borlas e entradas pelas traseiras..Lol...olha eu sou a primeira, quer dizer já faço parte da mobília desse SPA, os chakras já me conhecem e entre nós não existem segredos...ahahahaha.....

Pois tens razão amiga, as intenções do rapaz eram as melhores e a Sara está muito feliz. Estive com ela ontem e o brilho dos olhos reflectia tudo aquilo que sente. Estava radiante com todo este desenvolvimento e apenas quis deixar presente que iria viver um dia de cada vez, apreciar cada momento e deixar fluir.Deixou um beijinho a todos e os agradecimentos pela surpresa maravilhosa que todo este nosso envolvimento lhe proporcionou.

Ah...e não dispensa a oferta, mais tarde irão concerteza usufruir do pacote completo no teu SPA....

Beijokas amiga...
De luadoceu a 18 de Abril de 2010 às 15:21
Libelinha, tenho um poste, para comentares quando puderes e quizeres claro
Qualquer opinião é bemvinda e é veridica a história
Um bom domingo
Bjos doces
De julieta barbosa a 19 de Abril de 2010 às 02:40
Libel,

O girassol é a mais generosa de todas as flores. Ele se abre em largo sorriso para todos que se aproximam... Parece um grande guarda-chuva aberto a oferecer abrigo a quem dele se aconchega. Você também é assim! Tão solidária e generosa que ultrapassou a tela do meu computador e foi enfeitar o meu jardim. Explico: em sua homenagem fiz um canteiro de girassóis, e todos os dias quando vou aguá-los, penso em como o mundo seria melhor se todos fossem iguais a você... Obrigada por me incluir nessa família virtual onde a alegria, a generosidade e o calor humano dão à tônica.
De libel a 20 de Abril de 2010 às 13:54
Olá Julieta,

Já lá fui espreitar o teu canteiro de girassois, estou a carregar baterias para semear algo nesse jardim de lembranças e saudades tão bonito.
Aqui terás sempre o teu lugar nesta família que me ilumina todos os dias, apesar de os girassois fazerem a sua parte, são todos vós que carregam esse brilho e energia tão importante e essencial à minha vida e alegria. O ambiente por aqui é perfumado, os cheiros são muitos e variados, misturam-se e deixam uma brisa suave que me encanta, é um fio de prumo que agarro e não largo mais e que me leva a sonhar sempre mais alto.

Beijokas amiga...
Adoro ler-te...

Comentar post

*O meu olhar é nítido como um girassol, sinto-me nascida a qualquer momento, talvez por ser distraída demais, mas é bom sentir que cada vez parece sempre a primeira. Aqui todos os dias vão ser assim: UMA AGRADÁVEL SURPRESA!!

*pesquisar

 

*Outubro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

*Plantações recentes

* O caldinho abacadabra

* A vida no campo é...

* Sexto re(encontro) de blo...

* Ri-te pa, ficas mais boni...

* receita da alegria

* "Cumplicidades" lingerie ...

* #Dia da Mulher#lingerie r...

* Cúcú...BOM ANO por aqui

* É sexta-feira. Yeehhh!!!

* É giro quando...

* Que tal, para o nosso jan...

* Prometo perder...

* Sem título que é melhor.....

* Encontros perfeitos...

* Amizade é fazer o bem...

* Momento da verdade V

* Encontros, amigos e alhei...

* Quem adivinha?

* E... se não houver amanhã...

* FELIZ DIA DA MULHER!

*últimas colheitas

Faltam unhas de gato e caganitas de tarântulas. Pa...
Estás a ver? Isso é falta de caldinho. Prova um bo...
O que me assustou foi este tipo de letra tão minús...
Puxa, até fiquei com os olhos em bico quando vi es...
Mauzinho, eu?Amuei!

*Os amigos azuis!!

 

 Azul.. azul..azul..

Uma das mais belas cores do mundo.
Pode representar o céu, uma flor,

um fruto, o mar, um sorriso,

uma emoção, um sentimento...
Cheio de beleza e clareza!
Uma cor que nos faz sentir seguras,

a cor da imaginação.
Uma cor suave...

que nos tranquiliza ..

Azul..azul..azul...

É a cor da Amizade!!..

 

*Outras plantações

* Outubro 2017

* Maio 2017

* Abril 2017

* Março 2017

* Janeiro 2017

* Julho 2016

* Junho 2016

* Abril 2016

* Março 2016

* Fevereiro 2016

* Janeiro 2016

* Dezembro 2015

* Agosto 2015

* Julho 2015

* Junho 2015

* Maio 2015

* Abril 2015

* Janeiro 2015

* Junho 2014

* Maio 2014

* Abril 2014

* Março 2014

* Fevereiro 2014

* Janeiro 2014

* Dezembro 2013

* Junho 2013

* Maio 2013

* Abril 2013

* Março 2013

* Dezembro 2012

* Outubro 2012

* Agosto 2012

* Junho 2012

* Maio 2012

* Abril 2012

* Março 2012

* Fevereiro 2012

* Janeiro 2012

* Dezembro 2011

* Outubro 2011

* Setembro 2011

* Agosto 2011

* Julho 2011

* Junho 2011

* Maio 2011

* Abril 2011

* Março 2011

* Fevereiro 2011

* Janeiro 2011

* Dezembro 2010

* Novembro 2010

* Outubro 2010

* Setembro 2010

* Julho 2010

* Junho 2010

* Maio 2010

* Abril 2010

* Março 2010

* Fevereiro 2010

* Janeiro 2010

* Dezembro 2009

* Novembro 2009

* Outubro 2009

* Setembro 2009

* Agosto 2009

* Julho 2009

* Junho 2009

* Maio 2009

*links

*Obrigado Sindarin

*É aqui neste...

Cantinho virtual
que escrevo os meus pensamentos.
É onde gravo o que sinto
o que me inspira, vejo e sonho.
É onde todos vocês podem escrever
comunicar, informar, apresentar,

partilhar, sorrir e brincar. 
E tu também tens o teu cantinho?
Aquele onde as palavras se soltam

como notas de música...no ar.

Onde os sabores são néctares

e se misturam em páginas virtuais.
Eu tenho.
É aqui mesmo.
Entra e descobre tudo o que tem
num simples..."CLIC"..

 

*Voltem sempre!

Remédio santo...

 

Adrenalina ao rubro...

 

Equilibrio perfeito...

 

      = Família feliz

*Posts mais germinados

*tags

* todas as tags

*Obrigado Daisy e Tiger

*Eu participo


Amigos de longe que

gostava de conhecer

Lis-Brasil

A minha fotografia

Julieta-Brasil

Wânia-Brasil

A minha fotografia

Amigos que já conheço

Paulo-Lisboa

Manu-Óbidos

Mafalda-Lisboa

Lovenox-Coimbra