Sexta-feira, 5 de Novembro de 2010

UM DESAFIO à minha SINCERIDADE ...!!

 

"Para mim, as imagens têm música e contam histórias"

Esta retrata a força da natureza, ou seja uma força superior a nós, aquela que possuímos, mas que tantas vezes se prende nas grades.  

Foto retirada daqui, dos Olhares da Manu

 

Como todos sabem eu gosto de desafios, não só de desafiar, mas também, ser desafiada, acho que é algo que nos motiva e incentiva, algo que facilita a aprendizagem sobre nós próprios. Ser desafiado é como uma malagueta, ou quem preferir um toque de pimenta, em qualquer dos casos, o picante vem sempre ao de cima. É nele que nos centramos para atingir objectivos, metas, fins ou qualquer outro ponto de mira, cresce o  entusiasmo e tocam as campaínhas, ao ponto de desafiarmos todos os nossos sentidos nesse propósito!!... Gosto de usar a inteligência, também o sexto sentido, ler nas entrelinhas, participar, imaginar, gosto de ter vontade, de sentir prazer, de fazer o que gosto, de me entregar e de insistir, todas as vezes que forem precisas, até perceber que sou ou não capaz, que é isso que quero. Não me dou por vencida, perder também faz parte, não me sinto derrotada, pelo contrário, triunfada por tentar. Sei do quanto sou capaz em determinadas situações, mas não sei de tudo sobre mim, é esse o teste que me faço a mim própria, é esse o meu desafio diário, é essa a minha sinceridade, é nela que me apoio, é com ela que aprendo, que vivo e alimento os meus sentires, e foi com ela que consegui chegar até aqui e vencer o "III Desafio em Cadeia", não foi à primeira, não foi à segunda, a terceira foi de vez, o tema ajudou bastante, saíu com força, com intenção, com atitude, com alma e de coração, saíu com muita SINCERIDADE!!...

 

E aqui está....nunca o tinha postado, aproveito agora que o desafio está no ar com os "Sorrisos da Manu"...é a melhor altura para o fazer, são  palavras que me dizem muito, não consigo viver sem as duas, ou seja, ....uma sem a outra não faz sentido!!...

 

"SINCERIDADE"

 

 

"Vou ser sincera, apetecia-me vencer este desafio" ...
A vida é mesmo assim,  um desafio, passam dias, meses, até anos e todas as nossas capacidades são testadas nesta luta diária pelo lugarzinho ao sol, mas nada muda, continua tudo na mesma e porquê?...Simples, tu não fazes nada por isso, tu não dás o empurrão, tu não mexes um dedo, continuas enfiada nessa concha e não dás o grito da liberdade, não te dás a oportunidade de mudar. Os conceitos, os príncipios, até são bons, mas....será que acreditas neles?...Ou são apenas frases feitas, bonitas de se ler apenas nas entrelinhas. É bem verdade, que tu até te esforças para que os outros entendam que na sinceridade fica tudo mais fácil, e que entendam que se forem sinceros sempre os podes admirar por alguma coisa, mas e tu, tens apenas um vazio, um silêncio que te pesa no peito,  não falas, não reages, não gritas, não explodes.  Tens o dom e a magia da palavra, mas nem por isso dizes realmente o que sentes. Coragem, sabes o que isso é??..Independentemente das consequências...ela é a tua sinceridade, aquilo de que precisas para o teu corpo reagir, para que os teus pensares se manifestem, para que as tuas emoções transpareçam, para que os teus desejos se realizem, os teus sonhos se tornem realidade. Procura o teu "eu" e entrega-te de corpo e alma, só assim podes deixar de te fazer tantas perguntas sem respostas, só assim as tuas dúvidas passam a certezas, os teus receios passam a ser simples cuidados, a tua insegurança perde-se no espaço e ganhas confiança para viver sem estranhezas. 

 

...E quando digo "apetecia-me vencer este desafio" não é pelo desafio em cadeia, mas sim o desafio à minha sinceridade, o acreditar naquilo que penso e sinto, o desafiar da minha coragem para assumir os meus erros e aceitar as minhas fraquezas, mas também para receber a tranquilidade e a paz de espírito que me escorre por entre os dedos, encher o peito, soltar o ar e voltar a fazê-lo vezes sem conta até que possa sentir que comigo está tudo bem, à minha volta o ar não está impregnado de omissões, falsidade,  vergonha,  dúvidas,  medo, orgulho , esse ar é a minha fonte de vida e preciso dele limpo, puro e 100% sincero. Só assim conseguirei olhar para mim e dizer: Gostei dessa atitude, pelo menos foi sincera, aquele beijo,...não estava à espera..., eu sei,...mas apeteceu-me!!...Aquilo não foi bonito, ...Achas??...pois não, ....mas pelo menos reagi....percebem o que quero dizer??...

   

 

                                                   FIM

 

Parabéns Rosinda

Vencedora do VII Desafio em Cadeia

  SORRISOS

 

 

 

germinado por libel às 23:48
link do post | Semeia | favorito
|
27 comentários:
De Rosinda a 6 de Novembro de 2010 às 07:50
Bom dia Libel!
Adorei o teu texto. Sabes "sinceramente" não o tinha lido antes, penso que não sabia ainda do desafio e não te tinha ainda adicionado. Falta de "coragem" da minha parte. Ainda bem que hoje fazes parte dos meus amigos, a tua forma de estar na vida é contagiante. TU ÉS UMA FORÇA DA NATUREZA !
Um abraço sincero, um sorriso luminoso, uma mão cheia de alegria. É assim que te vejo!
Um beijinho muito grande, obrigada por estares aqui.
Bom fim de semana
Rosinda
De libel a 17 de Novembro de 2010 às 16:26
Olá Rosinda,

Adorei participar desde o ínicio neste desafio, cada palavra escolhida fazia sentido para mim, tinha sempre algo a dizer sobre ela e depois exste aquele meu lado desafiador que me incentiva e motiva a ir mais longe e agarrar as oportunidades, mesmo que por vezes não resultem naquilo que idealizo, mas só o facto de estar metida nas coisas e empurrar o barco pra frente já me deixa feliz e faz-me sentir que sou útil a mim mesma!!..Coragem é Confiança, se a sentires, tudo se torna mais fácil e verdadeiro.

Beijokas amiga
Agradeço a tua sinceridade...
De luadoceu a 6 de Novembro de 2010 às 11:25
Adorei tudo o que escreveste e fizeste com toda a sinceridade em falar de sentimentos,como a sinceridade
Lindo,lindo,lindo,nada a acrescentar
E um sorriso dado e sempre um alento ao coração e á alma, tal como o abraço, dá calor humano
Gostei imenso
Parabens por todas estas palavras que disseste
Bjos cheio de sol num fds tb ele pelo que vejo de sol
De luadoceu a 16 de Novembro de 2010 às 13:38
Libelinha
Mais que merecido,tens um premio oferecido para ti, no meu cantinho,no blog de familia
N te vejo aqui c mimos ou premios,mas de qq maneira ofereco te pq e mesmo merecido
Bjinhos gdres
De libel a 19 de Novembro de 2010 às 11:37
Olá Lua,

Em primeiro lugar muito obrigado pelo selinho, inclusive já lá fui no teu cantinho agradecer o estimado miminho, apesar de não o trazer para já comigo, vai ficar registado na memória e guardado em meu coração.

Ainda tenho que aprender como se mexe na barra lateral, faz muito tempo que não altero o template , sequer mexo nas definições, tenho que perder um pouco de tempo com isso, nessa altura, terei todo o prazer em expor este teu selinho com os devidos créditos.

Beijokas e obrigado pelo carinho!!...
De libel a 19 de Novembro de 2010 às 11:30
Olá Lua,

Obrigado também pela tua sinceridade, ela faz parte de cada um de nós, é alimentada pela nossa personalidade e forma de estar na vida.
Para mim, sinceridade não é uma caracteristica, é uma virtude que se aprende e se aperfeiçoa a cada dia, tal como os sorrisos e abraços, quantos mais espalhamos, mais longe chegamos e mais felizes vivemos.

Beijokas e Bom fim de semana com muitos sorrisos...
De DyDa/Flordeliz a 7 de Novembro de 2010 às 01:14
"Simples, tu não fazes nada por isso, tu não dás o empurrão"

Vou pegar nesta frase porque ainda ontem em conversa acesa (construtiva) com o meu filho sobre a vida, o país, o mundo chegávamos a esta conclusão (falávamos dos nossos empresários, economia, gestão).

Temos a mania de que a culpa é sempre dos outros. A solução para os problemas tem de vir dos outros.
Pensamos pequeno. Fazemos o mínimo. Quando arriscamos é às escuras. Não temos projectos. Não paramos para pensar, mesmo quando temos a resposta frente ao nariz, mas... continuamos sem querer ver.
Sinceridade? Precisa-se pois! Muita!
Mais fácil pedir. Difícil de praticar. Temos medo dela. Fica camuflada.
Ser sincero é a forma mais rápida para perderes um amigo (claro! se o perdes também não é amigo, eu sei!). Um emprego. És a má da fita. A ovelha negra. Não tens coração.
As pessoas querem ser enganadas, manipuladas, porque a verdade dói. Melhor andar alegremente a viver de mentira.
Tento ser sincera! Que ganho com isso?
- O respeito por mim!
Não me faz ficar de barriga cheia. Mas não me pesa o coração.

É óbvio que não ando pela na rua a distribuir sinceridade.

A tua sinceridade fez-me pensar...
E eu, sinceramente – A esta hora já me custa um bocadinho
Escreveu um belo retrato de vida. Gostei. Subscrevo.

Boa noite
De libel a 19 de Novembro de 2010 às 12:15
Olá FlordeLiz,

"Simples, tu não fazes nada por isso, tu não dás o empurrão"

Esta frase adapta-se bem a qualquer situação, neste momento, eu bem tento dar o empurrão, mas nem com redd bull a coisa vai, o tempo empata e não deixa que chegue onde quero, que má impressão deves ficar de mim, um tempo imenso sem dar as caras por aqui, mas olha como sei que gostas de flores...toma: ..esta é para me desculpar e prender de novo a tua atenção neste cantinho!!..
Quero muito que voltes, os teus comentários são bem pertinentes e a tua companhia muito agradável.

Quanto ao assunto, e neste contexto que relatei, uma sinceridade mais virada para o meu "Eu", ou seja, sinceridade para comigo mesma, para perceber até onde posso ir, onde quero chegar, o que quero da vida, o que posso fazer, como fazer, o que usar, como usar, abrir o jogo, esconder sentimentos, camuflar desejos, sonhos,

Não estava própriamente a falar daquela sinceridade global (verdade/mentira) aquela que tem uma série de escadas, cada degrau é um teste á nossa humildade, patamares altos, em cada um surge um desafio, é claro que existem os elevadores que ajudam na subida, mas até nesses ocorrem riscos, surpresas, as experiências e sociedade em que vivemos "obriga-nos" por vezes a mudar comportamentos, atitudes e até personalidades, mas por outro lado, temos o amigo do bom senso, esse contrabalança e dá-nos um pouco de serenidade para podermos sobreviver e alcançar, mesmo em dificuldades, a nossa sinceridade, aquela em que nós acreditamos e que faz valer a pena viver neste mundo!!..como por exemplo a sinceridade nos olhos de uma criança.

Um grande beijinho Flor
Volta sempre!!
De Existe um Olhar a 7 de Novembro de 2010 às 17:05
Aqui respira-se 0% de poluição emocional, aqui somos levados pela leveza das palavras e pela comunhão de sentimentos e partilha de ideias que formam um elo indossulúvel de amizade.
Obrigada pela tua sinceridade, pela tua transparência e pelo teu sorriso que a todos contagia.

Beijinhos amiga

Manu
De libel a 19 de Novembro de 2010 às 12:41
Olá Manu,

Ainda bem que sentes tudo isso quando aqui entras, ainda bem que consigo manter uma poluição de baixo grau, não tenho manias, sequer pretensão de ser mais ou menos sincera que outros, respeito o PRÓXIMO e sua maneira de ser, no entanto, não consigo comer do que não gosto, também não consigo ser indelicada, existem muitas maneiras de sermos sinceros sem que para isso seja necessário magoar alguém, o meu segredo é apenas um, ao alcance de todos: O SENTIDO DE HUMOR!!...com ele o ar fica 100% puro e a nossa sinceridade aliviada.

Beijokas amiga
Adoro-te
De Paulo a 7 de Novembro de 2010 às 21:43
Apeteceu-me vir aqui, sim é isso algo me lembro de ti, mas devo te dizer que não vim com sinceridade, vim sim envolto em cumplicidade, se te melindrares com estas palavras, meu alimento por que as tornaria a escrever, é que os amigos aceitam-se como são, venham como vierem e eu vim em cumplicidade de amigo, pousar estas palavras em teu cantinho cheio de Sol na casa do coração, não me julgues porque não vim com sinceridade, tu que serás Juíz de ti mesmo, o mais cruel de todos os juízes á face da terra, pois és tu mesma que estás presente em todos os momentos desde a tua primeira inspiração até ao teu último suspiro, mas não te lamentes por ti nem por mim, eu também serei o único que me poderá julgar por não vir com sinceridade e apenas na amizade que a cumplicidade transporte, doce destino este de ser teu amigo, que por muito que estejas ausente com a tua sinceridade, vem abraçar-te com o carinho da cumplicidade.

Paulo ARDS

Beijinho amigo
De Paulo a 7 de Novembro de 2010 às 23:53
Olá Libel

Depois de me acalmar após meu clube ter saido vergado por pesada derrota (quando comentei já estava 0-3 ... sem comentários), observo pelo meu próprio comentário que fui confuso na expressão da linguagem, vejo a intenção de brincar com a "sinceridade" (palavra que te fez ganhar um Desafio) e em trocadilhos com a "cumplicidade" (palavra que me fez ganhar outro Desafio a seguir).

Só que isto ficou uma manta de retalhos, pronto já vim com mais sinceridade e deixo-te aqui um abraço em cumplicidade para sanar eventual interpretação eheheheheh

Beijinho e uma excelente semana
De libel a 19 de Novembro de 2010 às 15:39
Olá Paulo,

Tenho aqui uma célula a nº 6256231 que me diz que estás assim um pouco baralhado, aquela festa que fizeste ontem entre o bando das células mortas e o comité das vivas não deve ter corrido muito bem. Calculo que isso passe com uma reacção quimica na célula nº 326 , sabes qual é??...aquela detectora de metais estranhos que acaba com qualquer célula mais atrevida e transforma todas as reacções liquidas em sólidas, não queres que isso aconteça pois não??...pensa bem, a tua célula nº 243257 , sim ...essa, que tem uma funcão genética e reproductora, ohhhh...que desgraça, imagina acabar tipo gelo...pois..OK..adiante, não vamos ser negativos, afinal é tudo uma questão de células.

Penso que o que querias dizer era que a tua celula nº 678975 a da "Cumplicidade" se tem sentido muito solitária e gostaria de ter um pouco da minha célula nº 123426 da "Companhia" e até tens razão em chamar mais células ao barulho, nomeadamente a da "Atenção" e a da "Dedicação" pois últimamente andam desencontradas, mas o sindroma "click" acabou por se dar e a celula nº 927410 da "Amizade" já lançou um alerta ao coração, por sua vez este já destacou uma das veias principais e destrancou as todas as artérias, as células já agitaram as águas, quer dizer neste caso o sangue, e este já está em erupção, penso que muito brevemente iremos ter um encontro de células, e todo este processo mais nebuloso vai dissipar-se e iremos ter a oportunidade de mergulhar as células mortas no Rio Mondego e apenas trazer para Lisboa as VIVINHAS DA SILVA!!!...

.....Fuiiiiii...tenho as minhas celulas em pulgas....ahahhhhahah......

Beijokas

De julieta barbosa a 7 de Novembro de 2010 às 22:36
Libel,

Não conheço nenhuma pessoa que tenha seguido os mais rígidos princípios da sinceridade e que não tenha pago por conta disso, o alto preço da solidão, do desprezo e do descaso. Vivemos numa sociedade hipócrita, de tapinha nas costas e palavras ferinas quando nos afastamos... A arte de viver requer de nós, delicadeza e sensibilidade para aqui e ali, dizermos uma "Mentira Necessária" sem que isso desabone o nosso caráter nem fira a nossa ética.

Acredito nessa sinceridade que descreves, ela também é meu norte, mas como colocar em prática num mundo de valores tão díspares? Eis, a questão!

PS: Por "mentira necessária" entenda que é aquela que dizemos para não ferir e humilhar os outros...
De libel a 19 de Novembro de 2010 às 16:22
Olá Julieta,

Quando se fala em sinceridade, logo é associada à "Verdade/Mentira", esse conceito de sinceridade tem sido distorcido pelas pessoas, somos sinceros abraçando sempre a humildade que nos espelha. Mesmo que à vista de outros sejamos hipócritas, as boas acções ficam para quem as pratica e não precisamos fazer disso um acto judicial com direito a sentença. É nessa distorção que se encontra uma das maiores armadilhas do ego presentes nesta sociedade moderna.

Sinceridade e honestidade, são dois conceitos diferentes, a meu ver claro!!...Uma cresce, se intensifica e se instala dentro de nós, e todos os dias nos confrontamos com ela, seja em escolhas, em decisões, em ensinamentos, em aprendizagens, em atitudes ou gestos. A outra faz parte de um todo, de uma sociedade que pode ou não implicar com a nossa forma de estar e pensar e até de agir entendes??..É NESSA PERSPECTIVA QUE FALO EM SINCERIDADE, ela para mim faz sentido porque sou eu que vivo com ela e não estou á espera que ela faça ou aconteça, ela vai de encontro aos meus principios e só assim me sinto bem neste mundo de tapinhas nas costas ou de mau caracter, pouco me importam, não sigo os exemplos dos outros, sigo apenas aqueles em que acredito e que me possibilitam um pouco de paz e tranquilidade no meu no coração!!..

Beijokas amiga..
Te adoro
De flordocardo a 8 de Novembro de 2010 às 11:10
Excelente post. Que a Força te continue a acompanhar!
De libel a 19 de Novembro de 2010 às 16:34
E que estejas sempre por aqui, é bom poder contar com esse ânimo e apoio, nem sempre a carroça anda a favor do vento, mas se lhe dermos um pontapé no traseiro por vezes faz-se luz...

Olha tenho um convite para ti, não sei de onde és, mas talvez te queiras juntar a nós num convivo que promete muita animação e espírito Natalício, que tal dares uma espreitadela por aqui:
http://intervaloparacafe.blogs.sapo.pt/400490.html
Boa disposição não vai faltar...isso te garanto!!

Beijokas
De mafalda-momentos a 9 de Novembro de 2010 às 14:31
Ó Sinceridade, estás por aí?

Sinceramente tenho que te dizer que recordo bem esse dia!
"Conhecia-te" há pouco, mas já fazias parte de uma cadeia que não se quebrou até hoje, se transformou numa reciprocidade de amizade que penso que sempre existirá.
Um dia virá que outros valores mais altos se levantem (acho que me entendes) e é com muita sinceridade que te digo que desejo muito que esse dia aconteça, embora talvez possa suceder que deixe de ser tão simples toda esta comunicação, cheia de cumplicidade e de tantos sorrisos presentes.
Mas estes momentos ficarão sempre em nossos corações.

Porque desejo que sejas feliz, um brinde a que tenhas tudo de bom em tua vida.

Beijinhos amiga linda
De libel a 19 de Novembro de 2010 às 16:50
Olá Mafalda,

Podes crer que também o recordo como se fosse hoje, estava em pulgas, um formigueiro danado, aquele suspense que se cria com a saída dos resultados é assim qualquer coisa de "enervante" e ao mesmo tempo excitante. Andava ali num entra e sai do cantinho do Cúmplice, ora espreitava, ora esperava, ora roía as unhas, ora desligava tudo e dava-me assim um vaipe de entrar só no outro dia, mas a curiosidade falava mais alto e PIMBA!!

....saíu o resultado mesmo uns minutos antes de desligar o pc e ir dormir....BOLAS...só no outro dia tive a grande notícia, até foi a Manu que me deu a boa, fui logo a correr e com a minha moderada forma de expressão, fiz o primeiro contacto, nervosa e feliz da vida, nem me aguentava nas canetas, ainda a assimilar tudo, a querer dar resposta a todos, olha saíu tudo assim a jeitos Libélicos e com muita sinceridade...lolll...

Ainda bem que estavas lá....e vais sempre estar amiga, mesmo que outros valores se levantem (o que duvido, esta crise está para durar, está tudo murxo..LOLL..)..

Um brinde a nós!!..
Beijokas
De geriatriaaminhavida a 12 de Novembro de 2010 às 14:49
Sinceridade é um dos valores mais importantes.
Gostei imenso do que escreveste.
Concordo que tambem temos de ser sinceros connosco. Independentemente das consequencias.
Beijinhos
De libel a 19 de Novembro de 2010 às 17:01
Olá Maria,

Se fores sincera contigo própria, tudo se reverte a teu favor,tudo aquilo que atiramos vem contra nós, então...se for a nossa sinceridade, o nosso escudo apenas se fortalecerá ainda mais!!..
Ser sincero significa transmitir aquilo que tu realmente pensas, desejas e sentes com relação a alguém ou alguma situação, as palavras são apenas o meio de transmitir, as acções são a tua sinceridade. Usá-las de acordo com o que realmente desejas, fortalece o laço de união.

Maria... outra coisa, tenho um convite para ti, eu sei que gostas de passar na esplanada de vez em quando, é um lugar que dispõe bem...então que tal juntares-te a nós num convivo a realizar dia 8 de Dezembro, ora espreita aqui e diz qq coisa.... http://intervaloparacafe.blogs.sapo.pt/400490.html
Tenho a certeza que te vais divertir connosco...

Beijokas e pensa nisso
De geriatriaaminhavida a 20 de Novembro de 2010 às 11:12
Como eu gostava!
Mas não posso, infelizmente estou a trabalhar.
Já ao jantar de Natal da firma onde o meu marido trabalha não poderei ir, pelo mesmo motivo.
É complicado pedir trocas, especialmente nesta altura.
E eu confesso que detesto ter de pedir, pois sei o quanto é difícil para directora arranjar pessoal.
Umas estão de baixa, outras faltam à própria da hora e outras estão de ferias.
Mas haverá certamente mais alturas par nos encontrarmos.
Muito brigado, do coração.
Fico comovida, pois sou tão novinha por estas bandas e já me convidaram!
Beijinhos e que tenham um óptimo convivio.
De Rosinda a 13 de Novembro de 2010 às 23:17
Então amiga Libel ...
Para ver se apareces, tens um miminho no meu blogs poesia e rosas!
Bom Domingo
Um beijinho
De libel a 19 de Novembro de 2010 às 17:56
Olá Rosinda,

E que rico miminho, são poesias e rosas mesmo, pois saí de lá toda musical...lolll...

Obrigado amiga!!...

Comentar post

*O meu olhar é nítido como um girassol, sinto-me nascida a qualquer momento, talvez por ser distraída demais, mas é bom sentir que cada vez parece sempre a primeira. Aqui todos os dias vão ser assim: UMA AGRADÁVEL SURPRESA!!

*pesquisar

 

*Outubro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

*Plantações recentes

* O caldinho abacadabra

* A vida no campo é...

* Sexto re(encontro) de blo...

* Ri-te pa, ficas mais boni...

* receita da alegria

* "Cumplicidades" lingerie ...

* #Dia da Mulher#lingerie r...

* Cúcú...BOM ANO por aqui

* É sexta-feira. Yeehhh!!!

* É giro quando...

* Que tal, para o nosso jan...

* Prometo perder...

* Sem título que é melhor.....

* Encontros perfeitos...

* Amizade é fazer o bem...

* Momento da verdade V

* Encontros, amigos e alhei...

* Quem adivinha?

* E... se não houver amanhã...

* FELIZ DIA DA MULHER!

*últimas colheitas

Faltam unhas de gato e caganitas de tarântulas. Pa...
Estás a ver? Isso é falta de caldinho. Prova um bo...
O que me assustou foi este tipo de letra tão minús...
Puxa, até fiquei com os olhos em bico quando vi es...
Mauzinho, eu?Amuei!

*Os amigos azuis!!

 

 Azul.. azul..azul..

Uma das mais belas cores do mundo.
Pode representar o céu, uma flor,

um fruto, o mar, um sorriso,

uma emoção, um sentimento...
Cheio de beleza e clareza!
Uma cor que nos faz sentir seguras,

a cor da imaginação.
Uma cor suave...

que nos tranquiliza ..

Azul..azul..azul...

É a cor da Amizade!!..

 

*Outras plantações

* Outubro 2017

* Maio 2017

* Abril 2017

* Março 2017

* Janeiro 2017

* Julho 2016

* Junho 2016

* Abril 2016

* Março 2016

* Fevereiro 2016

* Janeiro 2016

* Dezembro 2015

* Agosto 2015

* Julho 2015

* Junho 2015

* Maio 2015

* Abril 2015

* Janeiro 2015

* Junho 2014

* Maio 2014

* Abril 2014

* Março 2014

* Fevereiro 2014

* Janeiro 2014

* Dezembro 2013

* Junho 2013

* Maio 2013

* Abril 2013

* Março 2013

* Dezembro 2012

* Outubro 2012

* Agosto 2012

* Junho 2012

* Maio 2012

* Abril 2012

* Março 2012

* Fevereiro 2012

* Janeiro 2012

* Dezembro 2011

* Outubro 2011

* Setembro 2011

* Agosto 2011

* Julho 2011

* Junho 2011

* Maio 2011

* Abril 2011

* Março 2011

* Fevereiro 2011

* Janeiro 2011

* Dezembro 2010

* Novembro 2010

* Outubro 2010

* Setembro 2010

* Julho 2010

* Junho 2010

* Maio 2010

* Abril 2010

* Março 2010

* Fevereiro 2010

* Janeiro 2010

* Dezembro 2009

* Novembro 2009

* Outubro 2009

* Setembro 2009

* Agosto 2009

* Julho 2009

* Junho 2009

* Maio 2009

*links

*Obrigado Sindarin

*É aqui neste...

Cantinho virtual
que escrevo os meus pensamentos.
É onde gravo o que sinto
o que me inspira, vejo e sonho.
É onde todos vocês podem escrever
comunicar, informar, apresentar,

partilhar, sorrir e brincar. 
E tu também tens o teu cantinho?
Aquele onde as palavras se soltam

como notas de música...no ar.

Onde os sabores são néctares

e se misturam em páginas virtuais.
Eu tenho.
É aqui mesmo.
Entra e descobre tudo o que tem
num simples..."CLIC"..

 

*Voltem sempre!

Remédio santo...

 

Adrenalina ao rubro...

 

Equilibrio perfeito...

 

      = Família feliz

*Posts mais germinados

*tags

* todas as tags

*Obrigado Daisy e Tiger

*Eu participo


Amigos de longe que

gostava de conhecer

Lis-Brasil

A minha fotografia

Julieta-Brasil

Wânia-Brasil

A minha fotografia

Amigos que já conheço

Paulo-Lisboa

Manu-Óbidos

Mafalda-Lisboa

Lovenox-Coimbra