Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O meu cantinho

Semeia um pensamento e colherás um desejo, semeia um desejo e colherás a acção, semeia a acção e colherás um hábito, semeia o hábito e colherás o carácter...queres continuar...

O meu cantinho

Semeia um pensamento e colherás um desejo, semeia um desejo e colherás a acção, semeia a acção e colherás um hábito, semeia o hábito e colherás o carácter...queres continuar...

23.07.09

Os dois lobos..!!


libel

Esta noite o meu pensamento voou, fugiu-me...
Disse-lhe:
- Espera! Onde vais com toda essa pressa?
Mas ele continuou e via-o cada vez mais longe. Tentei segurá-lo mas não conseguia, nada o fazia parar. Voltei a perguntar-lhe ainda mais alto:
- Onde pensas tu que vais sem mim ?
Respondeu-me:
- Sei lá! Qualquer sítio, qualquer lado, qualquer lugar...

Sorri, agarrei-o e disse-lhe:
- Não!!..hoje ficas por aqui, quero-te bem pertinho, nada de tolices, nada de charadas, nada de histórias, ...dá descanso aos teus amigos, pode ser??

Não ouviu, nem olhou para trás...Bolas!!..

-Serei invisível..!!....bahhhhhhh...que teimoso!!...

 

Os dois lobos

 

 

Um velho índio contou ao seu neto que existe uma batalha que toda a gente tem que travar dentro de si.

Ele disse, esta batalha dentro de nós é entre dois lobos.

Um é mau. É a cólera, inveja, ciúme, amargura, desgosto, arrependimento, cobiça, arrogância, lamentação, culpa, ressentimento, inferioridade, mentira, vaidade, soberba, complexo de superioridade e o ego.

O outro é bom. É a alegria, paz, amor, esperança, serenidade, humildade, bondade, benevolência, empatia, generosidade, verdade, compaixão e confiança.

O neto pensou um pouco e perguntou:

 

 

 

 

 

 

Qual dos lobos vence?

O velho índio respondeu simplesmente,

Aquele que alimentares..!!

 

 

 

- Ahhhhh..tás aí!!...vem cá, gosto de te ter por perto!!

2 comentários

  • Imagem de perfil

    libel

    24.07.09

    Olha Daisy este teu comentário fez-me lembrar a história da "Gaivota" de Fernão Capelo, que livro deslumbrante, é uma história sobre Liberdade, Aprendizagem e Amor. Ela "Gaivota" é tomada pela paixão pelos vôos de todos os tipos, e sua alma decola como os seus experimentos e emocionantes triunfos de ousadia e feitos aéreos. Daí, o amor e o perdão merecem respeito e parecem ser igualmente importantes para libertar-se da pressão de obedecer às regras apenas porque são comumente aceites.
    Mas a determinação é maior e supera todas as contradições ou imposições, mesmo pressionada para continuar na sua vidinha rotineira, ela consegue distanciar-se do conformismo e voar mais alto para junto do que considera mais importante.
    É um livro de leitura fácil, e que nos deixa completamente fascinados.

    Beijinhos...gosto de ti...



  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.