Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O meu cantinho

Semeia um pensamento e colherás um desejo, semeia um desejo e colherás a acção, semeia a acção e colherás um hábito, semeia o hábito e colherás o carácter...queres continuar...

O meu cantinho

Semeia um pensamento e colherás um desejo, semeia um desejo e colherás a acção, semeia a acção e colherás um hábito, semeia o hábito e colherás o carácter...queres continuar...

07.07.15

Doce arroz doce, doce avó doce...


libel

Palavras para quê...

 

Quais Lorraines, quais Nigellas, quais marias doceiras..., Justas ou injustas, aqui não há dúvidas algumas. As medidas são à cabeça, os ingredientes estão à vista. É preciso não deixar pegar, ir mexendo sempre com atenção e voilá. "Ó filho, as quantidades digo no fim, está bem assim?"

...com esta naturalidade já me emocionei. Uma lembrança que nos toca a todos, por ser tão familiar.  Por isso mesmo, não resisti a partilhar. Com as famosas lambidelas para nada se perder. E claro...., com muito açucar, porque o arroz doce não se quer deslavado, mas sim muito docinho. Já dizia a avózinha. Um bem haja para a maravilhosa senhora,  que esteja em PAZ. Para o neto um gigante obrigado por este momento tão delicioso, ao partilhar este video com todos nós. 

 

 

A M O  arroz doce, ainda não experimentei fazer desta forma, mas está para breve,...muito breve, ....depois partilho com vocês,  está prometido. Façam também e digam como foi...

 

 

 

Beijokas e doce semana...

 

 

 

 

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.